A importância dos alimentos antioxidantes

Alimentos antioxidantes são aqueles que protegem as células sadias do organismo contra ação oxidante dos radicais livres e regulam a quantidade de radicais livres no organismo, sendo assim, retardam o envelhecimento e previnem doenças.

Os radicais livres são necessários para o organismo pois exercem algumas funções como geração de energia e defesa contra infecções, entretanto, em excesso oxidam as células saudáveis, trazendo problemas, favorecem o envelhecimento das células e contribuem para o aparecimento de doenças como o câncer, mal de Alzheimer, Parkinson, diabetes, hipertensão e doenças cardiovasculares.

Alguns fatores estimulam a formação de radicais livres, como exemplo, a radiação solar, a poluição, consumo de álcool e cigarro, pesticidas e agrotóxicos, estresse, raios-X, consumo de gorduras em excesso.

Existem dois meios de defesa antioxidante, uma delas é nosso organismo que produz defesas naturais de antioxidantes, mas com o passar do tempo vão diminuindo, a segunda é através do consumo de alimentos ricos em antioxidantes.

Sendo assim, fica fácil entender a importância dos alimentos antioxidantes para a nossa saúde, são essenciais para o bom funcionamento do organismo e evitam o envelhecimento precoce, estão presentes nas frutas, verduras, legumes, grãos, carnes, oleaginosas, etc..

Principais alimentos antioxidantes:

Licopeno, beta-caroteno: cenoura, beterraba, melancia, couve, melão, tomate, damasco seco, laranja, pêssego, goiaba, abóbora,  brócolis, ervilha e espinafre.

Flavonoides: morango, maçã, romã, mirtilo (blueberry), uva, framboesa e em outras frutas de coloração avermelhada; em vegetais como brócolis, espinafre, salsa, couve, nozes, soja, linhaça, chás e mel.

Vitamina A: cenoura, espinafre, manga e mamão.

Vitamina C: melão, morango, melancia, acerola, frutas cítricas (laranjas, limões, tangerinas) kiwi, manga, mamão, abacaxi, mirtilo, framboesa, em vegetais: brócolis, couve flor de bruxelas, couve flor, couve, pimentão vermelho e verde, espinafre, batata, batata doce, moranga e tomate.

Vitamina E: óleos vegetais e derivados, folhas verdes, oleaginosas (castanha do pará, avelã, amêndoa, nozes) e sementes, milho, cereais integrais e vegetais folhosos: espinafre, agrião, rúcula.

Curcumina: cúrcuma, açafrão e curry

Ômega 3: óleos vegetais, linhaça, salmão, atum, sardinha, semente de chia.

Antocianinas: morango, alface, cebola e repolho roxo, ameixa vermelha, berinjela, cereja, framboesa, açaí, jaboticaba

Cobre: Feijão, grão-de-bico, lentilhas, sementes de girassol, amendoim, passas, nozes, amêndoas e legumes.

Selênio: castanha-do-para, amêndoa, aveia, aves, arroz integral, fígado, peixes, frutos do mar, sementes de girassol.

Zinco: feijões, leite, cereais integrais, carnes, frutos do mar, amêndoa, amendoim e nozes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *